ASPIRANTE NATÁLIA TÂMARA, É DECLARADA CONSÓCIA VICENTINA

A aspirante Natália Tâmara, pertencia a conferencia São Francisco de Assis, subordinada ao Conselho Particular de Natal, em São Gonçalo do Amarante/RN. Mas sua história dentro da SSVP foi encerrada de forma precoce. A jovens vicentina foi assassinada de forma brutal no dia 22 de maio de 2015, no bairro onde residia em São Gonçalo do Amarante-RN.

Natália, era vice presidente da conferencia e participava assiduamente da conferencia São Francisco, estava prestes a ser proclamada Consócia, pois já havia participado do módulo básico da ECAFO e também dos eventos promovidos pela SSVP.

Comovidos com a historia de Natália, Pe Tito Marega s.v. e a consócia Maria Adryelly solicitaram junto ao confrade Beethovem, coordenador do DENOR do CMJP, que o Conselho Metropolitano, declarasse Natália Consócia vicentina. Tanto Pe Tito como Adryelly acreditam que a missão de Natália, mesmo que precoce foi bem sucedida, pois ela inspira a juventude no serviço aos mais pobres. Pe Tito acredita, que Natália pode ser canonizada, pois ela cumpriu em tudo sua missão, principalmente os dons apostólicos, pois Natália resistiu até fim e não se entregou para o homem que tentou estrupa-la. Todos os sábados, ás 06h da manhã, várias pessoas se reúnem no local onde aconteceu o martírio para rezarem o oficio de Nossa Senhora. Foi criada a Associação Consócia Natália Tâmara, essa que será responsável por deixar viva a memória de Natália, quesito importante para o processo de canonização.

O Conselho Particular de Natal, está em processo de compra do imóvel, onde aconteceu o martírio, a intenção é tornar o local, um lugar Santo e de oração e também um local social, pois essa era a grande preocupação de Natália, que formou-se em psicologia e sentia um desejo enorme de ajudar as pessoas mais carentes com a sua profissão.

A história de Natália já ganhou o mundo, comovidos com sua história, a direção do Boletim Brasileiro, estampou na sua capa de Novembro/Dezembro de 2015, a foto de Natália e uma matéria completa contando sua história na família, com os amigos, com a conferencia e principalmente com os assistidos.

 

Abaixo encontra-se o ofício assinado pelo Confrade Jose de Arimatéia, Presidente do CMJP, declarando Natália Tâmara Felipe Macedo, Consócia Associada da Sociedade de São Vicente de Paulo.

Ofício que declara a aspirante Natália Tâmara, consócia associada da Sociedade de São Vicente de Paulo